Aproveitamento de água da chuva

Publicado em 16/08/2019 por Daniella Bertoli

A escassez de água irá atingir dois terços da população, segundo levantamento da ONU até 2050. Uma das maneiras de minimizar os impactos provocados pelo mau uso da água seria a reutilização da água da chuva. E você sabe quais são as vantagens desta reutilização?


É uma atitude ecologicamente responsável, representa uma economia de 50% na utilização de água, ajuda a conter enchentes uma vez que parte da água que iria para rios e lagos será armazenada, reduz o custo de condomínio e ainda valoriza seu imóvel.


Mas quais medidas podem ser aplicadas para amenizar este impacto?


Existem duas mais eficazes: economizar água no dia a dia e na hora de lavar louças, porém uma alternativa que está ganhando força é a utilização de cisternas para captação de água da chuva e captação de água de reuso.


O método mais eficaz é através de cisternas, que são reservatórios utilizados para captação da água da chuva e armazenamento para uso doméstico. As cisternas estão disponíveis em vários modelos, formatos, tamanhos, podendo ser utilizados em casas, apartamentos e condomínios.


O funcionamento de uma cisterna é bastante simples, a água coletada da chuva é levada pelas calhas a um filtro, que eliminará as impurezas, como galhos e folhas. Abaixo temos o funcionamento de uma Mini Cisterna, comumente instalada em residências. Estas Mini Cisternas, são de fácil instalação e de esgotamento mais rápido. As cisternas de grande porte, costumam ser armazenadas (enterradas) fora da incidência da luz solar, para minimizar assim o aumento de algas e outros microorganismos.



A água proveniente da chuva não é considerada potável, não sendo adequada para o consumo humano, mas pode ser utilizada para tarefas domésticas como lavar calçadas, telhados, carros e até abastecer o vaso sanitário.


Toda mudança de hábito ou de conceito irá gerar um esforço para que o processo de adaptação a nova metodologia de utilização de água, não vá literalmente por água a baixo, sendo assim os cuidados básicos como a escolha da cisterna ideal, a limpeza das calhas e limpeza interna da cisterna.